Einstein: “O vegetarianismo tem um efeito tão benéfico no temperamento humano que é capaz de influenciar o destino da humanidade”


“Além de concordar com os objetivos estéticos e morais do vegetarianismo, minha opinião baseada nos efeitos físicos é que o vegetarianismo tem um efeito tão benéfico no temperamento humano que é capaz de influenciar o destino da humanidade” - excerto de uma carta enviada pelo físico alemão Albert Einstein a Hermann Huth, em 27 de dezembro de 1930.

“Estou vivendo sem consumir gorduras, carne, peixe e me sinto muito bem dessa forma. Sempre acreditei que o homem não nasceu para ser carnívoro. Apesar de antes eu ter sido influenciado por circunstâncias externas a não seguir uma dieta vegetariana, há muito tempo sou um adepto da causa” - citação de uma carta escrita por Einstein um ano antes de sua morte.

As correspondências que fazem parte do Einstein Archives (46-75), a maior e mais confiável fonte de documentos sobre Einstein, integram o livro An Einstein Encyclopedia, de Alice Calaprice, Daniel Kennefick e Robert Schulmann, publicado em 2015. Einstein recebeu o Prêmio Nobel de Física em 1921.


Foto: Reprodução

Nenhum comentário:

Postar um comentário