Xixi na hora errada: o que fazer para o seu cão não urinar por medo ou excitação



Uma reação nada saudável para os cães, urinar por medo ou excitação é um comportamento relativamente comuns nos cães mais jovens. Quando se deparam com situações de muita euforia, como a chegada de visitas ou a aproximação de pessoas estranhas, eles tendem a sentir medo e por submissão acabam urinando e deitando-se com a cabeça baixa. Outra situação que os cães urinam involuntariamente é devido a interação com o dono. Ao ver alguém conhecido que goste muito, o cão fica eufórico pelo desejo de interação.

Existem casos de cães que foram abandonados nas ruas e não recebiam carinho e a atenção merecida. Ao ganhar um lar, com comida, casinha pra dormir, brinquedos e uma nova família, os cães acabam supervalorizando aquele momento e de tão excitados acabam urinando.

Há diversos motivos que podem justificar a micção indesejada, contudo é possível ajudar os cães a melhorar o comportamento através de medidas práticas aplicadas no cotidiano de todos.

Deixe a excitação passar

Muitos cães ficam esperando seus donos chegarem em casa no fim do dia ansiosamente. Quando vêem seus donos, o que mais querem é carinho e atenção. Se você falar com ele assim que chegar, a probabilidade dele urinar será enorme. Então, espere ele se acalmar um pouco e só depois interaja. Essa medida reforça o comportamento tranquilo e ajuda na disciplina comportamental.

Não dê bronca

Existem casos de cães que urinam após receberem uma bronca, neste caso, é importante lembrar que brigar com os animais não é a melhor maneira de corrigir um erro e que situações como essa podem afastar o animal, comprometendo a confiança. Para ajudar, ignore a atitude errada do cão, não dê atenção ao comportamento indesejado e posteriormente estimule exercícios para fortalecer a confiança.

Aproximação aos poucos

Para garantir uma relação tranqüila com os cães e diminuir a quantidade de vezes que eles urinam por ansiedade, o dono deve fazer uma aproximação leve, para o cão ficar sempre calmo. Se ele souber comandos básicos, peça para ele sentar e dê petiscos como recompensas. Essas medidas ajudam na comunicação e na diminuição da micção indesejada.

Com a maturidade, os cães tendem a diminuir tal comportamento, mas observe também se as medidas para diminuição estão ajudando o animal. Caso contrário, converse com um veterinário de confiança que também dará dicas para melhorar o convívio e a relação no cotidiano.

Petmag

Nenhum comentário:

Postar um comentário